A Ciência do Coração contribuindo para nosso Processo Evolutivo

A Ciência do Coração contribuindo para nosso Processo Evolutivo

 

Creio, que você já tenha ouvido esta frase: “O coração tem razões que a própria razão desconhece”, pois bem, vamos mergulhar neste contexto?

Estudos e pesquisas realizados no Instituto do Coração Matemático, relatam a importância da razão pela qual é fundamental para muitos de nós mudarmos a forma como nos sentimos internamente.

Cientistas maravilhosos e brilhantes têm desenvolvido um trabalho incrível ao relatar algumas descobertas muito significativas em relação a ciência do coração, através de uma organização de pesquisa e educação sem fins lucrativos, reconhecida internacionalmente, dedicada a ajudar as pessoas a reduzir o estresse, auto regulando as emoções e construindo a energia e resistência para uma vida feliz e saudável. As ferramentas, tecnologia e treinamento deste Instituto, ensinam as pessoas a contar com a inteligência do seu coração em conjunto com a sua mente.

Uma grande parte de sua pesquisa investigou a interação do coração com o cérebro. Pesquisadores do Instituto examinaram como o coração e o cérebro se comunicam entre si e como isso afeta a nossa consciência e a forma como percebemos o nosso mundo.

Suas pesquisas evidenciaram sobre uma série de fatos, por exemplo, quando uma pessoa está sentindo emoções muito positivas como gratidão, amor, ou apreciação, o coração envia uma mensagem muito diferente. Eles foram capazes de determinar isso pelo fato do coração emitir o maior campo eletromagnético produzido no corpo e eles podem coletar dados a partir dele.

Este é um trabalho muito importante, pois ele mostra como o coração desempenha um importante papel muito além do que é comumente conhecido. Abaixo alguns aspectos significativos a respeito:

O seu coração emite campos eletromagnéticos que mudam de acordo com suas emoções;

O coração humano tem um campo magnético que pode ser medido até vários metros de distância do corpo humano;

As emoções positivas criam benefícios fisiológicos em seu corpo;

As emoções negativas podem criar um caos no sistema nervoso e que as emoções positivas fazem o contrário;

Estimular o seu sistema imunológico, evocando emoções positivas;

O coração tem um sistema de neurônios que têm tanto memória de curto prazo como de longo prazo e que seus sinais enviados ao cérebro podem afetar as nossas experiências emocionais;

No desenvolvimento fetal, o coração se forma primeiro e começa a bater antes do cérebro se desenvolver;

As ondas cerebrais de uma mãe podem se sincronizar com os batimentos cardíacos do seu bebê;

O coração envia mais informações para o cérebro do que vice-versa.

A felicidade é, sem dúvida, um trabalho interno, mas é uma experiência humana que não está em ressonância com muitos, pois é difícil de manter. Isto é evidente em uma variedade de áreas em que as pessoas estão começando a se levantar e exigir mudanças. Muitos experimentos, estão contribuindo para o grande processo evolutivo do ser humano.

Basicamente, emoções positivas, sentimentos de amor, gratidão, compaixão, tem um impacto maior do que podemos imaginar. Estas são todas as características da consciência e como a física quântica está nos mostrando, a consciência desempenha um papel na criação da nossa realidade.

Condicionou-se, ao longo dos anos, que o cérebro seria o centro emocional, fisiológico e racional do corpo humano, ou seja, ele emite mensagens que são enviadas em todo sistema, incluindo o coração.

Um novo campo na ciência está se desenvolvendo levando em consideração outra perspectiva. Este campo é chamado da Neurocardiologia. Ao estudar a fisiologia do coração, tudo leva a crer que o mesmo possui seu próprio sistema nervoso intrínseco, uma rede de células cerebrais com mais de quarenta mil neurônios. Esta rede neural dá ao coração capacidade, de forma independente, de sentir, processar informações e mesmo tomar decisões.​ Estudos confirmam que nosso cérebro e coração emanam campos elétricos e magnéticos mensuráveis.

Comparando os dois órgãos, o coração emite um campo elétrico 100x mais forte que o cérebro e se falarmos de magnetismo, este campo é 5000 vezes mais potente. Pesquisadores do Instituto HeartMath nos EUA, descobriram que o campo eletromagnético do coração está vinculado a um campo de informações de energia que recebe informações intuitivas antes que um evento realmente aconteça

Em um dos vários experimentos realizados, mediu-se que uma informação chega a ser recebida pelo coração de 6 a 7 segundos antes que o evento acontecesse. O mais surpreendente é que o coração recebe a informação antes do cérebro registrar o evento, demonstrando, junto a outros estudos, que o ”sistema nervoso” do coração continuamente envia sinais sobre eventos ao cérebro. Além disso, descobriu-se que os ritmos cerebrais estão em sincronia com os pulsos eletromagnéticos do coração que flutuam em intervalos complexos, e que as ondas eletromagnéticas emanadas pelo coração interagem com outros sistemas corporais, órgãos e funções do corpo influenciando toda a homeostase.

Mas o que isso importa? O que fazer com estas informações? A resposta é simples: Temos que dar mais atenção ao nosso coração! E não estamos falando apenas de praticar exercícios físicos, mas sim aprender a utilizar toda a sua capacidade de nos fornecer informações, pois é um maravilhoso centro de sabedoria.

Tornando a Intuição mais objetiva

Imagine poder acessar a sua intuição, e transformar aquele sentimento que você não entende bem o que é em algo palpável. Imagine transformar tudo isso em alguma resposta que você recebe não de sua mente consciente, mas sim da resposta que vem do seu coração. Um sentimento que algumas vezes é de angústia, ou medo, ansiedade, dentre outros. Enfim, algo que não sabemos explicar direito de onde vem, mas que nos toma e ficamos letárgicos.

A intuição vem de nossa conexão com nosso modelo cultural e com todo nosso conjunto de memória armazenados ao longo dos anos. É a leitura do Campo e da Ressonância Energética. Só que, na maioria das vezes, nós bloqueamos nossa intuição. E o que sentimos como angústia, por exemplo, é traduzido pela nossa mente (que está super acostumada a buscar explicação para tudo) em algo que nos julga e nos paralisa ainda mais.

Por isso que a prática da meditação ou o diálogo interno é tão importante, sabia? Quando conseguimos manter nosso centro, nosso foco em nós mesmos, percebemos que é a nossa mente que às vezes nos leva para lugares onde não queremos ir. E o mais interessante é quando conseguimos perceber que os caminhos da nossa mente não necessariamente são os caminhos que estamos percorrendo. Ou aqueles que queremos percorrer. Ou seja, nossa mente é apenas mais uma das funções do nosso corpo.

Scalar Heart Connection

Scalar Heart Connection – Conexão Escalar do Coração – é um fundamento atrelado ao poder intuitivo, que busca, através da conexão com nosso coração, respostas ao que a mente consciente, nos limita de acessar. Ela traz à tona a “MetaIntuição”, ou seja, o que está por trás da nossa intuição, e nos faz ter uma visão mais transparente de nós mesmos.

Fora desenvolvida pelo americano Dr. Stephen Linsteadt, que por mais de 20 anos dedicou seus estudos à Física Quântica, códigos quânticos de soluções, atestando que o coração é uma inteligência fenomenal e localizada “fora de nosso cérebro”.

O uso da ferramenta descontrói a origem dos bloqueios que mantém a pessoa num estado de condicionamento negativo e de repetição. Neste processo temos acesso à:

  • Qual centro energético está em desarmonia – qual área do corpo está sofrendo com a emoção negativa;
  • A crença condicionada – a informação mental que retém todo o desconforto;
  • Quais os órgãos físicos e sistemas corporais envolvidos;
  • Condicionamentos Inconscientes;
  • Gatilhos mentais;
  • A época da vida que aconteceu o bloqueio e muito mais.

O método foi desenhado com base nas vibrações das ondas emitidas e na interação das nossas células com essas ondas, baseada sobretudo na Física Quântica.

O que eu particularmente evidencio hoje, é que a combinação dela com a Constelação Sistêmica Familiar e Organizacional é uma ferramenta muito poderosa sob o ponto de vista pessoal e coletivo. Porque, algumas vezes, nem sabemos direito qual a questão que nos prende a não ter uma vida plena. Não sabemos o que nos segura, só temos aquele sentimento de medo, angústia, dor, dentre outras. Nem sabemos de onde vem! O Scalar Heart Connection traz à tona, e mostra onde está o problema, onde é o emaranhamento que precisa ser resolvido e que, aliado à Constelação Sistêmica, contribui significativamente com as soluções para o Sistema Familiar e Organizacional.

Medo, preocupação, culpa, vergonha e baixa autoestima são todos comportamentos aprendidos. São emoções nascidas de padrões de pensamentos adquiridos. Nossas crenças surgem da maneira como nossos ancestrais responderam aos desafios do seu tempo.  Nossos pais reforçam esses padrões, assim como nossos professores, amigos e nosso modelo cultural.

O que deveríamos estar nos perguntando é: quem somos quando tiramos essas crenças negativas? Quem sou eu quando não estou ocupado tentando me encaixar e pertencer a um grupo de outras pessoas que também estão ocupadas com seus padrões de pensamento e fingem personalidades? Quem sou eu quando as partes de quem eu não sou são destiladas e somente minha essência permanece?

Quando ouvimos atentamente nossa essência, podemos ouvir aquela pequena voz intuitiva que está pronta e ansiosa para nos ajudar a encontrar o caminho de volta a nós mesmos. Nosso coração sempre nos levará ao evento ou situação exata que precisamos experimentar. Cada experiência afasta as camadas teimosas dos padrões de pensamento.

O Scalar Heart evidencia que nossas limitações não têm localização física, que nosso problema é uma construção mental sem poder próprio para mantê-la no lugar. Daí a necessidade de identificar o nascedouro da crença limitante.​

Nós não estamos aqui para carregar o fardo pesado da vida em nossos ombros. Estamos aqui para aprender a administrar nossos e não sucumbir nossos medos. estamos aqui para viver a vida com alegria e entusiasmo e a cooperar integralmente para o bem estar do outro, aí sim teremos mais convicção que possamos viver em plenitude e harmonia.

Como funciona o atendimento? Qual é o Tempo médio de duração? Para quem é indicado?

Isso pode ser feito durante atendimentos individuais, com foco específico na limitação que está gerando caos na vida e no sistema. Cada sessão de atendimento tem duração de 1 (uma) a 2 (duas) horas, em média. 

É indicado em casos que existe uma crença limitante em um nível mais profundo, com possibilidade de uma conexão efetiva com o campo de informações de energia que recebe informações intuitivas e tem respostas onde a mente consciente tem mais limitações para lhe oferecer respostas mais complexas e eficazes.

 

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

×